Como obter o CSC (Token) na SEFAZ para emitir NFC-e

O CSC (Código de Segurança do Contribuinte), na maioria dos casos, deverá ser obtido pelo site da SEFAZ do seu Estado, separando entre ambiente de homologação e de produção.

Este código é de conhecimento exclusivo do contribuinte e da SEFAZ, usado para garantir a autoria e a autenticidade do DANFE NFC-e. O CSC possibilita que o consumidor verifique a validade da NFC-e por meio da leitura do QR Code impresso no documento da NFC-e. Para a empresa, representa a garantia de que sua cupom fiscal não será falsificada por terceiros.

Importante! Diversos sites da SEFAZ solicitam acesso através do certificado digital, por isso, realize a instalação do seu certificado em seu computador.

Abaixo, apresentamos uma listagem de como deve ser o processo para a emissão do CSC em cada estado.

Acre (AC)

Primeiro, você precisará realizar o credenciamento presencial com os documentos descritos aqui. Após isso, acesse o site da Sefaz Online e para gerar o CSC, clique no menu “NFC-e”. 

Alagoas (AL)

Para realizar o credenciamento, você deverá apresentar os documentos descritos aqui. Após isso, o CSC é solicitado presencialmente na Diretoria de Cadastro.

Amapá (AP)

Você deverá primeiro realizar o credenciamento como emitente de NFC-e através do Sistema de Administração Tributária Estadual – SATE, no menu “Credenciamento”. Você poderá consultar a liberação do Credenciamento através da função “Consultar Credenciamento NFC-e”. Após estar credenciado, acesse novamente o SATE para solicitar o CSC, basta clicar no menu “Gerar CSC”.

Amazonas (AM)

Para gerar o CSC no Amazonas, você não precisará realizar o credenciamento para emissão de NFC-e, visto que a SEFAZ dispensou o credenciamento.
Para gerar o CSC em Homologação, basta clicar aqui. Já se deseja gerar o CSC em Produção, clique aqui.

Bahia (BA)

A SEFAZ da Bahia também não exige o credenciamento antes de gerar o CSC. Para gerá-lo, basta clicar aqui e selecionar a opção “Solicitar/inutilizar CSC”.

Distrito Federal (DF)

Você deverá realizar o credenciamento no Portal da SEFAZ e possuir um certificado padrão ICP-Brasil instalado em seu computador. Após finalizar o credenciamento, será apresentado dois CSC, um para o ambiente de Homologação e um para o ambiente de Produção.

Espírito Santo (ES)

Para gerar o CSC, você poderá escolher se deseja o CSC para ambiente de Homologação ou para ambiente de Produção. Basta clicar aqui e selecionar o ambiente que deseja gerar o CSC.

Goiás (GO)

Para gerar o CSC neste estado, clique aqui. Agora, você deverá selecionar o ambiente que deseja gerar o CSC e clicar em “OK”. Após isto, você deve seguir o passo a passo descrito da próxima tela.

Maranhão (MA)

Será necessário realizar o credenciamento para a emissão de NFC-e através do site SEFAZNET. Você deverá informar a Inscrição Estadual que deseja credenciar (após informar a IE o credenciamento será realizado de forma automática para o ambiente de homologação e produção) e em seguida basta gerar o CSC.

Mato Grosso (MT)

A SEFAZ do Mato Grosso não exige o credenciamento para a emissão de NFC-e. Assim, para gerar o CSC para uso em ambiente de Homologação, basta clicar aqui. Já para o ambiente de Produção, basta seguir o passo a passo disponível aqui.

Minas Gerais (MG)

Para você gerar o CSC para a emissão de NFC-e em Minas Gerais, basta seguir o passo a passo disponibilizado aqui.

Mato Grosso do Sul (MS)

Você poderá acessar o portal CSC disponibilizado pela SEFAZ do Mato Grosso do Sul, onde deverá realizar o login e poderá consultar os CSC já existentes ou gerar novos.

Pará (PA)

Você deverá gerar o CSC através do site da SEFAZ do Pará. Para realizar este processo, você poderá acompanhar o passo a passo do manual disponibilizado.

Paraíba (PB)

Você precisará realizar o credenciamento para emissão de NFC-e através da SEFAZ da Paraíba. Após isso, você poderá gerar o CSC de homologação e produção, basta clicar aqui. Em ambos os casos o acesso é restrito e pode ser feito por login e senha ou via certificado digital.

Paraná (PR)

Para gerar o CSC, você deverá acessar o Portal da RECEITA/PR. Após acessar, você poderá seguir o passo a passo (3º parágrafo) disponibilizado no site SPED/PR.

Pernambuco (PE)

Você poderá gerar o CSC acessando o site e-Fisco e seguindo passo a passo disponível aqui.

Piauí (PI)

Para gerar o CSC, você deverá realizar seu credenciamento através do portal da SIAT. Após aprovado, para obter o código CSC, você deverá acessar o menu Autoatendimento, clicar em NFC-e e em seguida em Manutenção de CSC.

Rio de Janeiro (RJ)

Para gerar o CSC, você precisará acessar o site de Gerenciamento de CSC. Basta você informar realizar o login com o certificado digital da empresa.

Rio Grande do Norte (RN)

Para gerar o CSC, você deverá realizar o credenciamento para a emissão de NFC-e através do portal da SEFAZ do estado e seguir o passo a passo disponibilizado aqui. Após isto, basta acessar o portal novamente, na área restrita e em Meus Serviços, clique na opção Gerar CSC.

Rio Grande do Sul (RS)

Para gerar o CSC, acesse o site da SEFAZ/RS e clique em Manutenção de CSC. Agora, clique em Meus Serviços, em seguida em Nota Fiscal de Consumidor Eletrônico e por fim, clique em Manutenção de CSC.

Rondônia (RO)

Para gerar o CSC, você deverá acessar o Portal do Contribuinte e realizar o login. Após isto, selecione a opção Requisitar CSC.

Roraima (RR)

Para gerar o CSC, você deverá acessar a SEFAZ de Roraima e seguir o passo a passo disponibilizado.

Santa Catarina (SC)

Após ter optado pela emissão de NFC-e ao invés de PAF-ECF, será necessário gerar o código CSC. Para isso, clique aqui e realize login com seu certificado digital para cadastrar o CSC.

São Paulo (SP)

Por padrão, empresas de SP emitem CF-e SAT. Mas quando há alguma inconsistência para emissão do CF-e, o estado permite a emissão de NFC-e. Mas nessee caso, é necessário certificar-se com o responsável contábil da empresa.

Sabendo disso, para gerar o CSC, você precisará primeiro realizar o credenciamento para a emissão de NFC-e através do site da SEFAZ de São Paulo e clicar em Credenciamento. Assim, você poderá escolher se deseja realizar o credenciamento para testes ou com validade jurídica. Já para gerar o CSC, você deverá acessar o site da SEFAZ de São Paulo e clicar em Gerenciar Cód. Segurança. Você poderá emitir o CSC em ambiente homologação (ambiente de testes) ou o CSC em ambiente de produção (com validade jurídica).

Sergipe (SE)

Para gerar o CSC no Sergipe, você utilizará duas plataformas diferentes. Para gerar o CSC de homologação, basta acessar o Portal da NFC-e, clicar em Gerar Novo, informar o CNPJ e por fim clicar em Gerar. Já para gerar o CSC de produção, você precisará acessar o Portal de Serviços da NFC-e, realizar o login e clicar em NFC-e.

Tocantins (TO)

Para gerar o CSC, você precisará primeiramente realizar o credenciamento para a emissão de NFC-e através da SEFAZ de Tocantins. Após isto, para gerar o CSC, basta clicar aqui.

Importante!

O estado do Ceará emite um documento fiscal diferente de NFC-e, o qual não há integração ao SIGE Cloud. Portanto, empresas dessa região não poderão emitir NFC-e através do sistema.

Restou alguma dúvida? Não tem problema! A nossa equipe de suporte é composta por especialistas que estão à disposição para lhe auxiliar no que for preciso. Para contatar nossa equipe, acesse o chat dentro do sistema ou nos envie um e-mail através do: suporte@sigeatende.com.br

Deixe seu comentário